A antiga arte de escrever

Fonte: Divulgação/Google

Fonte: Divulgação/Google

As vezes, só o fato de escrever relaxa, me deixa leve. Como se as palavras que vão saindo pela tinta da caneta (ou pela tela do computador) fossem esvaziando meus pensamentos e as deixando registrados em um pedaço de papel (ou documento do word). É como se fosse uma transferência, mas,em alguns dias nem sempre essa transferência é bem sucedida e em outros ela demora muito tempo para acontecer, em certos momentos tempo demais e isso me irrita um pouco. O sentimento de frustração toma conta, essa é a hora de parar, tomar uma xícara de café forte, ouvir uma música, ficar em devaneios nos meus pensamentos até sentir que é o momento de recomeçar, quando menos se espera, lá estão as palavras, formadas diante dos meus olhos, e antes que perceba o texto está pronto. Nem sempre a satisfação vem de imediato, ainda mais sendo auto crítico da forma que sou, mas depois de ter minha briga interna, consigo olhar um texto e dizer: “Agora está pronto”. E essa é uma das melhores sensações, a de dever cumprido, de trabalho bem realizado.

E acredito que esse seja um dos motivos pelo qual escrevo. De fazer algo de que gosto e que considero fazer da melhor forma possível. Claro que não sou o melhor nisso, (e nunca vou ser), mas saber que assim como outras pessoas eu também consigo é algo realizador. Chega a ser até um pouco terapêutico, ter um lugar aonde se possa “descarregar” os sentimentos, as angustias, as duvidas, pensamentos, reflexões e convicções. Poder dividir isso com outras pessoas e entrar em debates sobre diversos assuntos, saber da opinião de outras pessoas e se identificar com elas é algo que tenho a oportunidade de realizar quando escrevo.

Acho que nunca vou conseguir chegar em um consenso do que é escrever de fato, e a importância que isso tem na minha vida. O ser humano está sempre em constante mudança, assim como tudo aquilo que o cerca. Mas, acredito que escrever sempre será fundamental na minha vida e algo que jamais quero parar.

A antiga arte de escrever é isso, as vezes complexa, as vezes simples. As vezes misteriosa, as vezes fácil de ser desvendada, as vezes parece que nada vai se encaixar e quando menos se espera, lá estão as palavras, trazendo sentimentos e sentido a ideias que se fosse ditas não seriam expressadas da forma que são apenas…escrevendo.

Anúncios

2 respostas em “A antiga arte de escrever

  1. Eu sou muito assim também hehe às vezes estou escrevendo e acabo me desligando e não consigo continuar, aí preciso ouvir uma música para que a conexão volte! Mas tem aqueles momentos que eu pego o pique e não paro até pensar que acabei.

    Blog: Café Com Babis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s