Conhecendo lugares, você se conhece.

Viagem MG

No último final de semana fiz uma viagem até a cidade mineira de Poços de Caldas. Pra conhecer um pouco mais da cidade entre no link abaixo:

http://www.minasgerais.com.br/destinos/pocos-de-caldas/

Foi uma viagem curta de apenas dois dias, mas nesse tempo pude ver e fazer várias coisas. Foram situações bem novas pra mim, a primeira de pegar a estrada e dirigir por um pouco mais de 2:30 hrs da minha cidade (Campinas-SP) até o destino, foi algo que nunca tinha feito antes e me ajudou muito a saber como dirigir é bom, mas cansa! Uma outra situação que me chamou a atenção ao longo da viagem, foi como o nosso país é tão privilegiado por sua diversificação. Os habitantes da cidade, desde a recepcionista do hotel até um estranho que passam na rua, todos, sem exceção sempre estão sorrindo, com uma aparência de pessoas calmas e tranquilas e sempre dispostas a terem um “dedinho de brosa”.

O contato com a natureza é inevitável, é como se a cidade fizesse parte de toda natureza que a cerca, como se ambos fossem uma coisa só. Desde as inúmeras praças repletas de árvores, pequenas plantas, um gramado sempre verde e bem cortado. Até o morro que cerca a cidade por onde passa o teleférico com rumo ao topo da serra dando um panorama de toda a cidade.

Porém ao mesmo tempo que a cidade tem toda essa ligação com a natureza que a cerca, ela possui muito de uma típica cidade de centro urbano. Muito comércio, pessoas andando freneticamente pelas ruas da cidade, seja indo trabalhar ou voltando, indo a escola, somente os turistas mais relaxadas que mantém os olhos as paisagens e esquecem um pouco da correria do dia a dia. Mas como bom observador da vida urbana, isso não me escapou aos olhos. Como qualquer outra cidade, a desentendimento entre motoristas no trânsito, infrações, e nos horários de pico um fluxo intenso de carros. Por algumas vezes tive a sensação de estar no centro de Campinas ao ver essas situações, mas logo me lembrei da onde estava ao escutar aquele sotaque mineiro inconfundível.

Poços de Caldas, acabou me surpreendendo positivamente, não digo apenas por toda a sua urbanização, o que eu realmente pensei que seria bem pouca, mas um fato pré-conceito de quem vive em “cidade grande” e vai para interior, acho que por ser uma cidade menor do que a natal ela será de um marasmo enorme. Pelo contrário, se mostrou de uma grande e diversa gama de opções, claro que não são as mesmas que estou habituado em Campinas, mas me permitir experimentar essas novas a diferentes opções de lazer, foram algumas das melhores experiências que pude ter.

As pessoas, a paisagem, a história da cidade e todo o valor que os habitantes dão a essa história, são coisas que na minha cidade natal ou são bem raras ou não existem. Já ouvi várias vezes que viajar enriquece o ser humano, fazendo-o refletir sobre diversas coisas em sua vida, e assim buscando ser melhor. Comigo não foi diferente, e pretendo fazer essas experiências cada vez mais, e, com certeza, recomendo a todos que o façam. Conhecendo lugares, você se conhece.

Algumas imagens do meu desbravamento:

Viagem MG - 01 Viagem MG - 02

Viagem MG - 04

Viagem MG - 03

Viagem MG - 05

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s